06 fevereiro 2006

Maridos japoneses criam “Dia da Mulher”


Um grupo de japoneses declarou o dia 31 de Janeiro, como o "Dia das Amadas Mulheres"a fim de que os maridos do país se dirijam para casa mais cedo e expressem o seu carinho às companheiras.
A "Associação dos Maridos Apaixonados do Japão" exortou os homens a voltar para casa até às 20 h e agradecer às suas mulheres por tudo o que fazem.
Segundo a associação muitos homens não conseguem expressar os seus sentimentos de gratidão, em palavras, pondo sempre o trabalho em primeiro, atitude que estaria a colocar os casamentos japoneses sob grande pressão.
Estatísticas comprovam isso. A taxa de divórcios do Japão tem subido, mais de um terço dos casamentos acabou em separação.

18 comentários:

JSilvio disse...

é de ficar com os olhos em bico =) :P

margarida disse...

Que ricos maridos! Pena que só se lembrem das "amadas esposas" uma vez por ano. E da maneira que eles gostam de trabalhar até me admira que o dia escolhido não tenha sido o 29 de Fevereiro!

Sulista disse...

Não resolve o problema mas enfim..isto só podia ser inventado por gente com os olhos em bico :-)

As Musas disse...

Estranhos estes japoneses...
Então ainda estás imóvel?????

rutebruno disse...

muito bem! devia ser assim sempre, podia ser que os divórcios fosses menos!
desculpa postar menos vezes que queria, mas o rodrigo enche os meus dias!
adoro o teu blog!
parabéns!

Miguel disse...

Há que tomar medidas ...
Pois caso contrário ...

Bjks da Matilde

Thiago Forrest Gump disse...

Um povo, uma cultura!

lololol

Isabel-F. disse...

...eu nem me pronuncio...

trabalho com um que é meio japonês...


estás melhor???
bj

Squeezy disse...

uma iniciativa interessante... e k apoio.... mas k tb me surpreendeu bastante...

Ana disse...

No Japão o trabalho sempre foi colocado à frente de tudo!!! Ainda bem que isso está a ser alterado, mas... só uma vez no ano é pouco!!!

sattelite disse...

Foi uma grande ideia principalmente vindo de quem vem, os nipónicos de vez em quando até pensam para além dos computadores e dos chips...
APOIADO!!!

eu disse...

Só um dia por ano???? E isso ajuda a evitar divórcios...Uhm...Tenho as minhas dúvidas....
Espero que estejas melhor
Abraços

TSFM disse...

Tu, Terreiro, no fundo és um pingamor, incurável e incorrigível. Bem, eu para me safar lá terei que ver se as piscinas na Sa-Av ficam cheias...Ai ai

A .Carlos disse...

Olá Terreiro,
E tudo acontece, porque muitas vezes colocamos à frente dos sentimentos, os deveres e outros "sentimentos"
Talvez, nos sirva de exemplo.
:)

Abraçoss
≺ A New Day ≻

Fornense disse...

os japoneses inventam mesmo tudo.. desta vez foi um dia.. até isso inventam.. que povo! :)
olhe eu também não perco uns bons programas no Discover.. gosto especialmente dos caçadores de mitos.. é mt engraçado aquilo..
grande abraço e melhoras!

Zel disse...

Isto é fruto das viagens à Europa, pois aqui aprendem muito, um dia já é um pequeno passo.

( Gostei da carrinha de caixa aberta)

As melhoras

José Miguel Marques disse...

sou da opinião que o mundo está errado. criamos um sem número de dias para assinalarmos tudo e mais alguma coisa com o propósito dito de chamar a atenção para o assunto que se assinala nesse dia. nada mais errado. o assunto passa é a ter apenas um dia para ser discutido, o dia instituido, e depois perde-se na imensidão dos dias seguintes do ano e assim achamos que fazemos muito por determinado assunto por termos um dia especificio, quando na realidade não fazemos nada, apenas fazemos um dia por ano.
aliás se repararem só se criam dias para assuntos do maior interesse e que precisam de protecção e sobre os quais não conseguimos fazer nada o resto do ano. somos mesmo egoístas

Naty Wat. disse...

um dia apenas ? que sem coração ... e ainda por cima não é para salvar o casamento das pessoas, e sim para não diminuir o número da população, pois é óbvio que abalaria o futuro da econômia do país. E eles tentam ajudar de alguma forma os casais e para não se separarem e os que ainda pensam em se casar.
adorei seu blog. arigatou =-)

Naty Watanabe =-*