11 dezembro 2007

Nas tintas para dívidas da câmara…

Soares Marques, Presidente da Câmara Municipal de Mangualde, em 5 de Outubro de 2005.

Segundo Soares Marques, na altura, ainda tinha uma capacidade de endividamento de 61%.
Passados precisamente 24 meses, o município de Mangualde sofre uma penalização mensal de 10% nas transferências pelo Orçamento do Estado através do Fundo de Equilíbrio Financeiro.

Neste caso é só fazer contas!

11 comentários:

Rui Santos disse...

Muito Sinceramente eu já nem sei o que dizer acerca deste edil miserável...mas tenho a certeza que os mangualdenses tal como eu, (embora não viva neste momento em mangualde),vão julga-lo e a toda equipa que desgoverna a nossa camara. É uma vergonha...

GreenSky disse...

Após alguma meditação tenho que dar alguma razão ao Sr. Azevedo, só continuo-o a achar que não deve ser a autarquia e consequentemente os seus munícipes a serem castigados mas sim os responsáveis, isto é, se a autarquia não cumpre é o Presidente e os seus que devem levar penalização na reforma que irão ter etc…

Cumprimentos

Manuel Azevedo disse...

Ainda bem que não dei continuidade à nossa civilizada polémica, mas senti-me tentado a fazê-lo. Compreendi desde início as suas boas intenções, mas a soluções que propõe têm uma grande componente de lirismo e crença na boa fé das pessoas e, estas em concreto, que dirigem os destinos de Mangualde, são completamente alheias a este tipo de sentimentos.
Digo-lhe isto com conhecimento de causa e sem quaisquer problemas.
Quem vier a seguir e tiver um comportamento semelhante terá igualmente a minha oposição. Não sou do PS e, para lhe ser franco, nunca votei neste partido para eleições legislativas. Portanto, neste particular, estamos em igualdade de circunstâncias.
Já quanto à gestão danosa em curso na Câmara de Mangualde, repito que os cidadãos eleitores (não todos, mas a maioria) têm grandes responsabilidades na situação criada, pois elegeram em l997 e reelegeram em 2001 e 2005, os responsáveis por este descalabro.
Vivemos num estado de direito e as leis são para cumprir. Este país é um dos mais atrasados da UE em quase todos os parâmetros exactamente porque não têm sido responsabilizados os protagonistas deste regabofe. Se queremos atingir o patamar dos nossos parceiros, temos que exigir a quem governa uma gestão séria e rigorosa dos nossos recursos.
Não a maço mais e apresento-lhe os meus cumprimentos.
Um abraço, Terreiro!

Manuel Azevedo disse...

Acabei de ler que há gente contente com os cortes nas transferências para a Câmara.
Sinceramente, não é o meu caso. Não estou triste nem alegre porque apesar de considerar estes cortes legais e justos, creio que não afectarão a vida dos mangualdenses.
Tal qual a mesada dum estudante estroina e cábula. Tanto faz ser grande com pequena: É para estoirar nos copos e na farra com as garinas..
Diferente seria se tivèssemos à frente dos destinos de Mangualde gente rigorosa e competente, mas, esta hipótese é de todo improvável, já que, com estes atributos, ninguém se endividaria para além dos limites.

Anónimo disse...

Ò invertebrado sem tomates,
de uma vez por todas:

Mete-te com os da tua laia verme!

Terreiro disse...

Por vezes tenho não invertebrados, mas anormais irracionais a tentar tirar-me do sério, mas não o vão conseguir, é necessário muita coragem e muito nível para me verem a “espumar”.
Olha M.J. / S, para que a tua honestidade e coragem fermentem em ti, e porque não os tens no sítio não por seres mulher, mas porque não assumes o que escreves, (és a vergonha da classe das mulheres), pega nos tomates dos teus amigos do “Peito” e de uma vez por todas deixa os meus em paz!

Para ti Anónimo M.J. / S.


“COMO ELIMINAR UMA BEBEDEIRA EM 21 MINUTOS”

Cerca de 20 pessoas assistiram no passado dia 17 na Biblioteca Municipal de Tomar a uma conferência sobre os temas “como eliminar uma bebedeira em 21 minutos” e “como curar males da coluna vertebral”. O promotor, João Antunes, de 85 anos de idade, há muitos anos ligados ao universo do yoga, garantiu que uma bebedeira de vinho pode ser curada bebendo um copo de leite natural. Passados 21 minutos, o embriagado torna-se uma pessoal no estado normal, garante o prelector.
oão Antunes, alerta, no entanto, para os riscos de congestão e aconselha uma consulta prévia ao médico.

Na mesma conferência, foi também abordada uma forma de cura da gripe em 24 horas através de inalações de Kalgry TT, um produto criado pelo próprio João Antunes.

Manuel Azevedo disse...

Afinal "o anónimo" era uma vaca.
É curioso que o estilo e a delicadeza da linguagem desta rameira me era familiar doutras paragens onde ela se atira aos anónimos como gato a bofe...
Bem prega Frei(ra) Tomás...

Anónimo disse...

Vaca? Coitada da Vaca, não merece ser comparada com essa monte de *****

Manuel disse...

Peço desculpa por utilizar este espaço que é do meu caro Terreiro, para fazer um comentário que nada tem a ver com o post em causa.
Não ficava de bem com a minha consciência se não tivesse este desabafo. Poderia fazê-lo onde o assunto tem sido abordado (a pretexto do CDS no Mocho e no Blog do meu caríssimo Agnelo, por quem eu tenho um apreço pessoal inversamente proporcional ao político, como ele sabe), mas resolvi fazer uma ocupação selvagem do Terreiro.
Trata-se da iluminação do Natal.
Não quero saber dos concursos, dos meios, dos gastos, dos atrasos.
Quero apenas dizer que GOSTO. GOSTO MUITO!

Manuel Azevedo disse...

Irra! Logo pela primeira vez que intervenho para elogiar alguma coisa, não me saiu o Azevedo!
Fui eu, o nunca anónimo, Manuel Azevedo!

GreenSky disse...

Tens lá um desafio!