28 março 2006

Câmara e GNR promovem Acção de Sensibilização

A Câmara de Mangualde tem vindo, através do Plano de Acção Anual da Comissão de Protecção de Crianças e Jovens, a promover diversas Acções de Segurança Pessoal e Rodoviária destinadas aos alunos do 1º Ciclo do Ensino Básico.
Os contemplados desta vez foram os alunos das Escolas do 1º Ciclo de Abrunhosa-a-Velha, Vila Mendo e Torre de Tavares que se concentraram todos em Abrunhosa-a-Velha para assistir a uma Acção sobre prevenção rodoviária nos diversos níveis.
Segurança em casa, na rua, nos parques infantis, na floresta, na praia, entre outros, foi o tema que esteve na ordem do dia, numa demonstração clara de que com boa vontade e iniciativa é possível uma grande amplitude de informação. Tudo isto com muita animação e entusiasmo.
Esta foi a forma que esta Comissão encontrou para desenvolver acções de promoção dos direitos e prevenção de situações de perigo para as crianças e jovens.
Em parceria com a Guarda Nacional Republicana, esta Autarquia tem conseguido, desta forma, chegar aos jovens mais facilmente, tirando as dúvidas que continuam a subsistir, mesmo com a quantidade de informação que hoje em dia já existe.
A receptividade das crianças e jovens relativamente a estas Acções tem sido uma mais-valia, destacando-se, particularmente, os mais pequenos que, com muita atenção e ansiedade lá vão querendo responder, sempre primeiro que os colegas, às perguntas feitas pelos orientadores do projecto.

4 comentários:

Isabel-F. disse...

...acções como estas...positivas...e viradas para a juventude...que são o futuro do País...são sempre de louvar...

pena haver tão pucas por aí...


Bjs

TSFM disse...

Estou a passar para te desejar melhoras...

GreenSky disse...

E eu que pensava que a GNR só bebia garrafões de vinho e caçava umas multas.
Muito bem!

aspire disse...

Boas…
Ora cá está uma boa acção por parte da CMM e da GNR. Gostei… e penso que é de repetir sempre que possível. Ainda para mais, numa época em que a insegurança, os atropelamentos e acidentes são cada vez mais frequentes.