06 junho 2007

Mangualde vence concurso distrital

Encenação da romaria ao Santo António dos Cabaços

O Rancho Folclórico de Santo Amaro de Azurara venceu o Concurso Etnográfico «Henrique Rabaço», estando, por isso, apurado para representar o distrito de Viseu, na competição nacional, a realizar em Lisboa, no próximo dia 17 de Junho.

O Rancho Folclórico de Santo Amaro de Azurara – Mangualde vai representar o distrito de Viseu no dia 17 de Junho, em Lisboa, na finalíssima do Encontro Nacional de Centros de Cultura e Desporto do INATEL.
O “Encontrão” organiza-se em três modalidades de concursos – Teatro, Música e Etnografia – que tiveram já as suas fases de apuramento regionais e que passam agora à fase decisiva, a finalíssima nacional de todos os apurados distritais.
O Concurso Etnográfico Henrique Rabaço (nome de um especialista do INATEL na área do folclore e Etnografia) põe a concurso pequenos espectáculos de grupos etnográficos e de folclore, com a duração de 15 minutos, espectáculos construídos a partir da música tradicional, dramatização e dança.
O representante do distrito de Viseu na final deste concurso, no dia 18 de Junho, na Aula Magna da Universidade de Lisboa, será o Rancho Folclórico de Santo Amaro de Azurara - Mangualde, que constrói o espectáculo à volta de um quadro Etnográfico da tradição popular das “Terras de Azurara” designado “Romaria ao Santo António dos Cabaços”, Alma e Coração das Gentes de Mangualde nas Romarias.
A amostra vai subir a palco da aula Magna, ás 18:00 horas do próximo dia 17 de Junho.

Breve Historial do Grupo

O Rancho Folclórico de Santo Amaro de Azurara, foi criado em Fevereiro de 1977, na aldeia de Santo Amaro de Azurara. Da freguesia e concelho de Mangualde.
Em Outubro de 1978 enquadrou-se juridicamente no seio do Grupo Cultural e Recreativo de Santo Amaro de Azurara, CCD 3994, tendo como objecto de acção. – Tornar conhecido o Povo da Beira Alta, em geral, e o da sua Freguesia e Concelho em particular, através dos seus usos e costumes locais, tais como as suas danças e cantares Etnográficas, Promovendo Divulgando e Dignificando a Cultura Tradicional do Concelho de Mangualde.
Desde a sua fundação, tem mantido ininterruptamente a sua actividade, actuando em inúmeros Festivais de Folclore, de Norte a Sul do País e ilha da Madeira e Açores. Espanha, Alemanha e Luxemburgo.

5 comentários:

TSFM disse...

Parabéns António, pelo facto de muito de ti estar presente nessa vitória. Parabéns também a todos os que fazem parte desse Rancho e do Grupo Cultural.
É com iniciativas desta índole que o mundo pula e avança, pois o progresso entronca na tradição...
A fotoi está bem conseguida e a G...está lá muito bem...

Anónimo disse...

Amantes das causas culturais da nossa região. eis aqui um exemplo a seguir por quem tem o dever de as apoiar.
Se ontem foi tarde amanhã será muito mais impossivel.
Graças a vós provavelmente Mangualde tem a memória cultural da tradicão, guardade para ser projectada no futuro, Parabens Santo Amaro de Azurara, da qual me lembro ter sido Cães de Cima e que belos momentos eu lá passei.
Saudades de vós e da nossa vila hoje cidade,
A.Costa

Anónimo disse...

Digame se estou enganado, ou confundido,
O ano passado também foi este grupo a ganhar o concurso em viseu?.
Se assim foi, é caso para dizer que o Grupo de Santo Amaro de Azurara está no top das tradições culturais da nossa região,
Muitos parabens, um Mangualdense de gema em terras lisboetas.
Bruno Almeida

al cardoso disse...

Parabens a esse grupo.

Anónimo disse...

Parabens Tó.

Cumprimentos à malta, do Grupo de Folclore de Machico e em meu nome pessoal.

Quando passas por cá......

Ricardo Caldeira
Rical.fnc@gmail.com