06 setembro 2008

Por questões de honestidade intelectual

Se errar é humano, então supostamente tudo deveria estar certo. Mas não está.
Errar é humano e só nunca errou aquele que nunca tentou.

Vem a propósito o Senhor Vereador na Câmara Municipal de Mangualde, no seu blog, rapidamente dar resposta às mais que evidentes e sérias declarações do PS no que respeita à última reunião do executivo.

O Vereador diz que o Partido Socialista “ publicou mais um comunicado em que continua a atacar a competência, o profissionalismo, a idoneidade e, sobretudo, a seriedade das técnicas de administração autárquica que secretariam as reuniões da Câmara Municipal de Mangualde, o que é absolutamente inadmissível.”
Vereador, veja lá se aprende de uma vez por todas. É que já começa a cansar a sua falta de “jeito” para esta coisa de ser autarca.
Ser autarca competente e eficaz é muito mais que isso que pensa que lhe é inato!
Então o Senhor Vereador pensa o que os outros pensam? O senhor ouve o que os outros ouvem? O senhor diz o que os outros dizem? … Claro que não!
Recordo-lhe apenas uma das suas passagens na tão “fanicada” Reunião ordinária de 03 de Outubro de 2007 a propósito da Proposta de Constituição de uma Sociedade Comercial para a Realização de Investimentos Estruturantes para o Desenvolvimento do Concelho.
Podemos ler na referida acta o seguinte: “Tal como referido e por razões de saúde, o senhor Vereador Eng.º Agnelo de Figueiredo ausentou-se da reunião, não tendo deixado expressa a indicação do seu voto.”

O senhor disse publicamente que tinha votado esta proposta lembra-se?

Logo na reunião ordinária de 17 de Outubro de 2007 o Senhor Vereador vem pôr em causa a competência, o profissionalismo, a idoneidade e, sobretudo, a seriedade das técnicas de administração autárquica que secretariam as reuniões da Câmara Municipal de Mangualde, o que é absolutamente inadmissível. E sabe porquê Vereador?
Porque o senhor faz uma declaração para a acta nos seguintes moldes: “Aquando da última reunião da Câmara Municipal, no momento em que abandonei a reunião para ser assistido no Centro de Saúde, era minha absoluta convicção que tinha ficado registado o meu voto de apoio à proposta que co elaborei e defendi. Provavelmente pela turbulência que na altura reinava na sala, não se terá verificado aquele registo. Todavia, por questões de honestidade intelectual, não posso deixar de o fazer agora.”

Então em que ficamos? O senhor está a acusar as técnicas ou está também a corroborar da mesma opinião dos Vereadores do PS que dizem que a acta não está em conformidade com o seu sentido de voto?

Sabe Senhor Vereador, por causa das “prováveis turbulências” como o senhor chama as reuniões de câmara que definem o futuro do nosso concelho, por vezes acontecem estas coisas. Nada melhor que remediarem os diversos assuntos com dignidade e seriedade, alterando, rectificando e acima de tudo não deitar areia para os olhos das pessoas que amam o Concelho que os viu nascer e que, acredite, amamos demais. O senhor, estou certo, está igualmente muito feliz por ver o seu Concelho de Nelas a evoluir a passos largos, e sabe porquê? Porque quando as pessoas são competentes, eficazes e humildes fazem maravilhas. E a Dra. Isaura Pedro tem feito coisas excelentes naquele Concelho que o viu nascer.

Faça o mesmo pelo meu Concelho que é Mangualde! Por favor!

2 comentários:

Manuel Azevedo disse...

De facto, são dois pesos, duas medidas e uma grande falta de vergonha na cara.
Mas, esta, está bem apanhada!

Anónimo disse...

Como é possivel que aquele Homem tenha coragem de dizer o que quer que seja.
Mais um tiro no pé do Vereador que aconselhou mal o Dr. H anibal